top of page

ROMPENDO A BARREIRA DAS CONVENÇÕES



“Não há regras, leis ou tradições que tenham uma aplicação universal... inclusive esta." (Wayne W. Dyer)


Há muitos "deveria" que aplicamos em nossa vida. E, sem uma avaliação mais acurada, muitos desses "deveria" podem ser reproduzidos de maneira inconsciente por todos nós. Um comportamento simplesmente condicionado ou provocado por medo ou mesmo diversos medos, constitui um ponto muito fraco.


Quando você se torna incapaz de funcionar eficientemente ou está se sentindo infeliz porque "deve" seguir regras sem sentido ou que sejam doentias, talvez seja a hora adequada para reconsiderar tais regras e o seu comportamento sobre elas.


Estamos em um planeta regido pela dualidade, pelos contrastes, por extremos, e por luz e sombras. Nada é permanente, nem absoluto. Considerando o exato ponto e momento evolutivo que está agora, nem sempre algumas regras, deveres ou leis farão sentido para você. A flexibilidade é uma virtude muito maior. Se permita quebrar os padrões equivocados que têm servido como obstáculo à sua expansão e bem maior.


Pode parecer muito desafiador quebrar algumas tradições. Se enquadrar em determinadas situações ou meio cultural pode lhe ser útil ou até servir como meio de sobrevivência por certo tempo, pode até mesmo trazer aprendizados, entretanto, se algo é levado ao extremo e está lhe fazendo mal em algum nível, isso pode se tornar uma neurose. Cuidado! Hora de repensar a rota. Se observe. Cuide de você, e nunca se esqueça de se colocar em primeiro lugar (sem culpas).


Quando um deveria interfere em seu comportamento de forma que ele não seja sadio ou eficaz; se você se sente entediado ou fazendo coisas contraproducentes e que sejam resultado de muitos "deveria", é sinal de que renunciou a parte de seu poder pessoal e liberdade de escolha. Existe alguma força interna ou externa no controle do seu Ser. Examine o que tem congestionado a sua vida.


Com amor,


Aline Keny


🖊️ Quem me inspirou para este texto em 16.07.2022:


Dr. Wayne W. Dyer, no livro: "Seus pontos fracos".

3 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page